Postagens

Mostrando postagens de 2008

Natal – A Encarnação de Deus

Imagem
Sempre me encantei com a festa Natalina, mesmo quando meus pastores de infância vaticinavam sobre os males que viriam sobre quem observasse "aquela festa pagã". Apegavam-se a coisas que achava completamente insignificantes diante do significado da encarnação. Falavam que Cristo não havia nascido naquele dia, que aquela era data de uma antiga festa pagã, e demais coisas semelhantes. Eu nunca me importei com isso. Sempre estive atento ao significado da encarnação.

Os relatos do nascimento de Cristo são os mais recentes textos elaborados dos Evangelhos, produtos já da fé mais amadurecida dos cristãos primitivos. Uma história que revela que Aquele menino sobre a manjedoura revelava o Deus do universo.

Algo de inimaginável. A encarnação não é a mera história de deuses que possuem filhos, mas da mais absurda afirmação que Deus mesmo penetrou nesse mundo da maneira mais humilde que alguém poderia imaginar.

Em Jesus, Deus revelou Sua humanidade, e o homem sua grandeza. Na encarnação nã…

Religião

Imagem
“Se alguém entre vós cuida ser religioso, e não refreia a sua língua, antes engana o seu coração, a religião desse é vã. A religião pura e imaculada para com Deus, o Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo.”
Tiago 1.26,27

Penso que a discussão em torno da religião não se torna mais rica porque a maioria de nós fechou o conceito na esfera do que entendemos serem as práticas ritualísticas dos povos, o que em geral se tornam práticas que se vinculam a moral de alguns e a atitudes "fundamentalistas".

Muitos de nós ao eleger a "não-religião" como nosso caminho apenas fazemos dessa "não-religião" a nossa nova religião, o que em geral é fazer de determinado aspecto ideológico o maior, ou melhor. O que na história aconteceu com o cristianismo foi exatamente isso. Na tentativa de não ser comparada com as demais religiões da terra, acabou se colocando como a melhor das religiões, ou aquela que estava acima da…

Minha heterodoxia

Imagem
Não posso negar minha inclinação para a heterodoxia, como chamam aquilo que não é a doutrina oficial da igreja, a qual chamam de ortodoxia. Sempre que leio os heterodoxos me encanto com seus escritos. Eles sempre mexem comigo, me desafiam, me desnudam. Encontro-me neles a ponto de achar que era daquela forma que já pensava. É por causa deles que ainda amo o estudo teológico, pois me fizeram ver que a teologia não precisa ser tão pretensiosa como fazem parecer os teólogos ortodoxos.

Tornei-me um ser humano melhor depois que li os heterodoxos. Hoje até me sinto honrado quando me chamam de herege por causa dessa minha inclinação. Ser associado a essas pessoas é hoje orgulho.

Descobri que a maioria das pessoas que amaldiçoam os heterodoxos assim fazem porque não conseguem resistir aos argumentos deles. Sufocar a voz dos heterodoxos é sempre a ação de quem não quer perder o poder. Não tem nada haver com a verdade, tem haver com a manutenção da glória pessoal.
Hoje quando estudo a história ve…

Sobre minha meta

Imagem
Alguns amigos meus perguntaram-me sobre o significado de frases contidas numa poesia minha chamada "Meta", postada em meu blog poético (http://lvmeusdias.blogspot.com/). Por isso decidi escrever este texto.
Durante um bom tempo vivi a vida que meus pais idealizaram para mim. Depois me tornei o que a igreja queria que eu fosse. Hoje procuro ser eu mesmo, e isso não é tão fácil quanto se pode imaginar.

Descobri que o verdadeiro caminho que tenho que fazer é um caminho em direção a mim mesmo, visto que qualquer outro caminho não será real. Desta forma, preciso encontrar-me comigo mesmo.

Percebi que viver a vida a partir de imagens alheias destrói a alma. Com essa percepção tudo em mim mudou, até meus conceitos religiosos. Hoje não busco um lugar para onde ir, busco algo a ser. Meu caminho está posto aqui e agora e não posso mais me comportar como quem espera ser um dia o que nunca foi. Preciso ir sendo aquilo que acredito que sou-serei.

Esse não é um caminho fácil. É só nos braços…

Descobrindo Jesus

Imagem
Desde o momento que passei a caminhar pela fé vi a necessidade de desconstruir muita coisa, visto que meu castelo de idéias tinha seus fundamentos na religião cristã e não necessariamente em Jesus e em sua mensagem. Desde então passei a buscar conhecer Jesus, e essa minha viagem particular já fez mais bem a minha alma do que a soma de todos os anos anteriores a ela.


Queria de verdade conhecer Jesus e sua mensagem e não uma imagem Dele feita a partir da mentalidade da igreja ocidental. Sei que Jesus e sua mensagem são maiores do que minha capacidade de entendê-los por inteiro, mas eu posso caber inteiramente dentro de sua mensagem.


Muitas pessoas me criticam e me acusam de estar trazendo outra mensagem, visto que dizem já saber tudo sobre Jesus e não há nada para se acrescentar. Mas a verdade é que o Jesus ensinado em muitos lugares, reduzido a conceitos ou fórmulas não tem nada a ver com o Homem de Nazaré.


Se não estivéssemos cegos pela "doutrina" veríamos que o Jesus domestica…

Religião do delírio

Imagem
Muitas pessoas ficam escandalizadas com o que ouvem falar de mim, e principalmente com o que ouvem de mim mesmo. A maioria delas são amigos de igrejas pentecostais das quais já fiz parte.

Não tenho nenhum problema com o culto pentecostal. Continuo lembrando com saudades dos tempos da minha infância, da igrejinha do Caça e Pesca, bancos feitos de tronco de árvores e tijolos colocados na areia branca. Lembro-me dos cânticos que nos emocionavam não pela melodia, mas pela letra que em nós inspirava fé. Lembro das orações regadas com lágrimas. Lembro-me da alegria em viver em comunidade. Mas tudo isso foi na minha infância, antes de crescer e começar a ver para onde foi o povo que parecia apenas amar a Deus de todo coração.

Ao abrir meus olhos o que vi não carregava a simplicidade da fé dos meus tempos de infância. O que via e ouvia não fazia sentido a não ser para aqueles que mantinham o povo na ignorância. Eram gritos vazios. Eram ordens a um deus que eu desconhecia dadas por homens que se…

Hoje

Imagem
Hoje, olhando de minha janela o verde que me cerca, tomei uma decisão. Sim! Verdadeiras decisões só podem ser tomadas no dia chamado Hoje. Quem não decide Hoje jamais decide.

Decidi enxergar, de uma vez por todas, a minha vida como uma dádiva, como único dom do qual prestarei conta.
Decidi Louvar o Criador mesmo quando não entender a criação.
Decidi Louvá-lo pela dor que me ensina e me faz sentir vivo.
Decidi jogar fora todo medo, o que só é possível por causa do Amor que meu coração invade.
Decidi escrever mais poemas, eles revelam mais de mim do que eu suponho.
Decidi ouvir e cantar músicas que me falem da vida.
Decidi caminhar por mais tempo na praia junto ao grande santuário que é o grande mar.
Decidi continuar abrindo as portas da minha casa, quem sabe eu ainda hospedarei um anjo.
Decidi repetir como uma oração a verdade de que o sol nasce para todos, só não vê quem não quer. E por falar em sol, decidi ver mais seu nascer e seu poente.
Decidi banhar-me nas águas dos oceanos.
Decidi me preoc…

Uma reflexão – confissão – oração

Imagem
É impressionante nossa capacidade de julgar. Somos cheios de juízo até mesmo quando afirmamos que nossa denúncia não se dirige a pessoas e sim a fatos ou palavras ditas por elas. A verdade é que constantemente só mudamos de grupo, de time, de gueto, de bando, de religião, mas continuamos os mesmos, cheios de juízo contra o próximo. Muitos ao trocarem de grupos passam a “lançar no inferno” todos os que antes chamavam de irmãos.

Eu confesso meu pecado. Falta-me muito para ter minha língua controlada. Quantas vezes quando abrimos a boca para falar sobre quem quer que seja pensamos nos efeitos dessas palavras na vida dos indivíduos envolvidos e suas famílias?

Não quero viver uma reforma ou revolução que precise destruir o outro, seja o outro quem quer que seja. Desejo pregar o Evangelho respeitando sempre a alma do próximo. E creio que isso sim, é possível. Quero continuar com a liberdade de dizer tudo o que penso e sinto, mas sem precisar ferir quem quer que seja.

Não quero que minhas trist…

A paz de Hoje

Imagem
Estou em paz, é até estranho dizer isso - A paz não seria comum a quem diz ter fé? Sim, tenho paz, mas jamais deixei de em tudo ser atribulado. Vivi momentos muitos bons nesses últimos dias, mas não deixei de saber que sou um homem não tão estável.
Antes quando orava voltava ao começo de tudo, quase como que dizendo que nada em mim estava resolvido. Voltava a minha infância, aos dias que meus pais haviam me deixado para trás, aos dias de brincadeiras solitárias. Voltava a minha adolescência e a minhas primeiras experiências de pecado conscientes e doloridas. Lembrava do meu quarto, das lágrimas e da solidão. Enxergava todos os meus erros de novo, e por todos sofria. Agora não é assim, estou em paz com meu passado.
Consegui ver além do que antes enxergava. Agora vejo Graça na minha infância, nos braços das mulheres que me acolheram e com amor me criaram. Vejo criatividade sendo produzida em cada brincadeira em que estava sozinho. Vejo a viagem da consciência na jornada da minha vida. Si…

17 de julho

Imagem
Hoje faz um ano que 199 pessoas perderam suas vidas no maior acidente aéreo de nosso país. Acordei vendo imagens na televisão de pessoas em que a saudade que dói insiste nelas permanecer, e talvez jamais as deixe. Como se esquece um amor? Como não lembrar os planos que foram feitos? Onde está o barulho feito pelos netos? E o sabor da comida da vovó? E as promessas?

Não sei o que é perder um filho, nem uma mãe e nem um amor. Sou afortunado porque neste momento minhas duas filhas estão aqui dormindo do meu lado. Mas hoje, sem saber muito porque, senti como se fosse alguém que estava naquele aeroporto no dia 17 de julho de 2007 esperando por alguém que não viria.

Como esquecer as chamas sabendo que o amor da sua vida foi destruído por elas? Pergunta uma mãe que teve sua filha de 23 anos morta no acidente. Eu não sei.

Ao lembrar-se desta história eu olho ao meu redor e vejo o quanto sou tolo. Porque adiamos a vida? Porque não damos os abraços e beijos? Porque nos esquecemos do “bom dia”, do …

Amazing Grace

A primeira vez que ouviu a música foi na versão do conjunto Voz da Verdade em 1998. Hoje aquela que já era uma das minhas músicas prediletas ganhou mais significado ainda. Assistindo o filme que leva o mesmo nome da música descobri que o hino Amazing Grace está na sua origem ligado à luta pela abolição da escravatura. John Newton (1725-1807), autor da letra, gastara parte da sua vida no comércio de escravos, até o dia em que experimentou uma conversão ao Deus da Graça.
Newton viria a ser um entusiasta discípulo de George Whitefield e conheceria John Wesley. Tornou-se pastor. Tornou-se amigo do poeta William Cowper. Juntos trabalharam nos cultos semanais, em reuniões de oração e na produção de um novo hino para cada culto da comunidade. Escreveu Amazing Grace, em Dezembro de 1772, apresentando-o à sua congregação no culto do dia 1 de Janeiro de 1773.
O Filme narra à história de William Willberforce (1759-1833) que ouviu Newton pregando. William Willberforce era membro da Câmara dos Comun…

Família – Problema e Solução

Imagem
Família! Sem dúvida não existem famílias sem problemas. Existem competições, invejas, medos, enganos. Mas o mistério da família é: os problemas da família só podem ser resolvidos em família, pois apesar dos problemas a família continua sendo um “lugar” de vida, esperança e alegria.

Nos últimos dias fomos bombardeados de notícias de desastres em família. Familiares que matam, que desrespeitam a individualidade do outro, que negociam relações por meio do dinheiro, ou de interesses extremamente egoístas. Famílias que resolvem seus problemas expulsando membros; irmãos que não se entendem; outros disputando o mesmo objeto de amor. Sim, existe maldade na família. Existe inveja. Pais não sabem como lidar com os filhos, filhos não sabem respeitar os pais.

É na família onde por vezes somos mais mal interpretados. Talvez sejam por isso as velhas piadas entre sogras e genros. Cada família tem suas histórias doídas, cheias de perdas, tristeza e luto. Mas mesmo diante de todo este quadro é na famíli…

Deus em Cristo

Imagem
Hoje, lendo um livro de teologia sistemática percebi o quão distante da velha “ortodoxia” e “sã doutrina” da minha infância estou. Na minha caminhada meu contato com os dois mundos, o da religião cristã-protestante-evangélica-pentecostal e o da religião-nenhuma, me permitiram não engessar minha alma, petrificar meu espírito, amarrar meus pensamentos, destruir a minha vida.

Como vivia toda a semana entre os sem religião e só alguns fins de semana com os da religião evangélica, acabei não me envolvendo realmente com ela, mas só com o que me encantava nela, que no meu caso era a figura de Deus em Cristo ou do Pai de amor por Cristo revelado.

Assim quando na juventude fui separado ao ministério e estudei teologia, aprendi de tudo, mas por nada me encantei, pois meu encanto permanecia o mesmo da infância. Dessa forma, nunca consegui me posicionar teologicamente, não era fundamentalista, não era calvinista, não era arminiano, não era pentecostal, não era dispensacionalista, não era evangélico…

Sobre minhas crenças e minha fé

Imagem
Todos os dias alguém me faz alguma pergunta sobre as coisas nas quais creio, e quase sempre a resposta gera uma onda de interpretações que acabam tornando-se atos de perseguição, calúnia, difamação. Entretanto outros se interessam e começam a querer saber mais, e com a proximidade aprendem mais sobre mim, sobre minhas crenças e principalmente sobre minha fé.
Sim! Os que de mim se aproximam descobrem que a minha fé não está naquilo em que abraço como conjunto de crenças e sim posta numa Pessoa.
Foi Jacques Ellul que me ensinou a diferença entre fé e crença. E depois disso ficou mais fácil explicar algumas coisas. Só lamento o fato de as pessoas estarem mais interessadas nas crenças que são o conjunto de pensamentos formados a respeito de diversos assuntos, do que na fé que é um dom de Deus que nos capacita a nos relacionarmos com Ele.

É a partir destas diferenças que muitos ficam sabendo que não tenho religião específica, pois de acordo com o conjunto de minhas crenças não me encaixo em …

O lugar da contemplação na vida cristã

Imagem
Salmo 46

DEUS é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Portanto não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares. Ainda que as águas rujam e se perturbem, ainda que os montes se abalem pela sua braveza. Há um rio cujas correntes alegram a cidade de Deus, o santuário das moradas do Altíssimo. Deus está no meio dela; não se abalará. Deus a ajudará, já ao romper da manhã. Os gentios se embraveceram; os reinos se moveram; ele levantou a sua voz e a terra se derreteu. O SENHOR dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Vinde, contemplai as obras do SENHOR; que desolações tem feito na terra! Ele faz cessar as guerras até ao fim da terra; quebra o arco e corta a lança; queima os carros no fogo. Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os gentios; serei exaltado sobre a terra. O SENHOR dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.

Como cristão que viveu sua infância …

Comunidade de Cristo

Imagem
Hoje gostaria de falar sobre a Igreja. No entanto por saber que esse termo já não carrega o mesmo significado no NT, chamarei quando me referir a Igreja de Jesus de Comunidade, visto que Ecclesia do ponto de vista do NT é uma comunhão de pessoas que possuem em comum a unidade espiritual com Cristo manifestado na relação com o outro. E quando usar o termo “igreja” neste texto estarei falando do movimento humano que deu origem ao que chamamos de religião cristã ou igreja cristã com suas diversas divisões.
Como alguém de origem protestante concordo com a definição de igreja de Lutero que percebeu a diferença entre Ecclesia do NT e a igreja institucional. Lutero via a Ecclesia como uma comunidade, uma congregação, uma unidade de pessoas, um povo, uma comunhão.

Já quando falamos de “igreja” nos referimos a uma instituição administrativo-religiosa. Já a Comunidade do NT é uma comunhão pura de pessoas, inteiramente sem caráter institucional. E nisso até os reformadores protestantes falharam, p…

ENTREVISTA QUE CONCEDI AOS ALUNOS DE HOMILÉTICA DO CURSO DE TEOLOGIA DO STC EM 2006

Perguntas
(1) Para você, qual é o maior objetivo da pregação no púlpito? Por quê?

Visto que o maior público que está diante de um púlpito é um público de confissão religiosa, a pregação no púlpito tem dois objetivos básicos: primeiro, levar o povo a uma consciência da mensagem do Evangelho destacando os abusos e perversões da mensagem nos dias de hoje; e segundo, conduzir este povo que adquiriu consciência a serem povo de Deus na terra, sal e luz, a fim de que o mundo glorifique ao Pai que está no céu.

(2) Qual o requisito que você considera indispensável para o pregador, para que este seja eficaz?

Convicção do que está pregando. Relação visceral com a mensagem pregada.

(3) Numa pregação, o que você acha que é mais importante? Quanto tempo mínimo ou máximo ela deve ter? Qual (is) requisito(s) necessário(s) para que esta se torne chamativa para você?

A clareza no que está sendo exposto.
O tempo para mim vai de 30min às 1h e 30min.
Os requisitos são: Domínio do assunto; clareza na exposi…