Postagens

Mostrando postagens de 2009

O Retorno ao Essencial

Imagem
No Caminho temos sido desfiados a voltar ao essencial, a ler novamente os evangelhos e a principalmente termos Jesus como a chave hermenêutica para a interpretação de tudo, inclusive das escrituras।

Esse retorno tem sérias implicações, até porque para a grande maioria dos cristãos não é um retorno, mas uma primeira e emocionante viagem. Eu fiz e estou fazendo meu caminho no Caminho e sinto a radicalidade do chamado de Jesus.

Acontece que tal chamado implica no abandono das redes da nossa vida-cultura। No nosso caso cristão-ocidental significa o abandono ou no mínimo a releitura da nossa cultura cristã, do nosso cristianismo।

Todos sabemos que nossa cultura e doutrinas cristãs são frutos dos encontros entre a fé judaica, a cultura grega e o império romano. O retorno ao essencial requer a difícil tarefa do abandono das redes cristãs.

Uma das primeiras coisas que precisamos abandonar é nosso conceito de revelação, que vê Deus limitado a um acontecimento, a um povo, a uma religião, a um liv…

Uma sexta-feira santa

Imagem
Eram as primeiras horas da madrugada da sexta-feira chamada santa. Meu coração se encheu de um sentimento estranho, uma mistura de tristeza com esperança, de paz com inquietação. Há pouco havia brincado com familiares, havia curtido os nove anos de minha filha mais velha. No fim da noite da quinta-feira participei de uma conversa sobre Deus, com uma espiritualista e uma cristã-mórmon.

No começo da conversa ríamos até juntar-se a mesa alguns cristãos-evangélicos que junto com a cristã-mórmon demonstravam saber tudo sobre Deus e sobre o que ele pensa. Não podia mais participar daquilo, o que falasse pareceria mais uma receita sobre Deus.E o que sei sobre Deus?


Entrei na sexta-feira santa com meus pensamentos presos a pergunta que fizera. Lembrei-me de minha infância e da trajetória até aqui. Aos oito anos começava minha jornada de identificação cristã. Nessa idade era o que os outros diziam que era. Alguns acreditavam profundamente em algo a meu respeito que eles chamavam de chamado, o q…

Descansando na Graça

Imagem
A história relatada em Lucas 10 sobre Maria e Marta e de como Maria escolheu a melhor parte tem me ensinado bastante nos últimos anos. Desde os meus 18 anos que pastoreio, desde os 15 que vinha pregando. Minha vida só fazia sentido na prática do serviço pastoral.

Sempre fui feliz por ajudar as pessoas, mas de maneira quase inconsciente meu serviço ia se tornado numa espécie de escapismo para não tratar de mim mesmo. Para não ter que parar e enxergar direito minhas mazelas, não perceber minhas sombras.

Quanto mais atividade mais acreditava que em mim não havia brechas, e que, portanto o pecado estava superado. Hoje sei que nada é mais perigoso para a alma do que as convicções nascidas de uma mente que se enxerga apenas pelo serviço que executa.

Tive que aprender, não de maneira fácil que minha natureza é cheia de desvios, que sou sombra e luz, fraqueza e força. Tive que aprender mais sobre minha humanidade e abandonar minhas certezas “santas” a respeito de mim mesmo.

Aprendi que Aquele que…

Creio - A Esperança

Imagem
A esperança cristã se une a esperança judaica, e por que não dizer de todos os homens quanto à realidade do Reino. Os profetas anunciaram sua vinda e sua duração eterna (Dn 2;6;7). Porém Jesus nos revelou que tal Reino não vem com aparência exterior, mas já é realidade entre nós (Lc 17.20,21), porém esse Reino não pertence as mesmas categorias dos reinos dos homens (Jo 18.36).

O Reino é um reino de justiça onde toda opressão é exterminada, um reino de paz (Is 9.1-7). Esse Reino pertence aos pobres de espírito, aos que foram e são perseguidos por causa do amor a justiça (Mt 5), aos que se tornam como crianças na dependência do sagrado(Mt 18.3). Estes filhos do Bem são sementes do Reino no mundo(Mt 13.38).

No momento o Reino dos céus está entre os reinos do mundo, tal como o trigo em meio ao joio, tal como um tesouro escondido num campo, não cabe aos filhos do Reino tentar separar o joio do trigo, isso se dará na consumação dos tempos, o que se precisa é ter coragem de como um homem que e…

Creio – Homem

Imagem
O homem foi criado para Deus e em Deus. Sua existência só tem significado e plenitude Nele. Fora Dele o homem é pecado, em estado de subtração do ser, sem entendimento, sem bondade real. Toda sua tentativa de se ver bom fora Dele é um caminho de morte, pois nega sua condição existencial de caído, fruto de uma decisão essencial que nos foge ao entendimento, mas nos alcança pela experiência.

O relato do gênesis nos traz um quadro excelente da condição do homem fora Dele. Os sentimos que nos dominam nesta condição formam nossas sociedades e nossas religiões, vergonha e culpa.

A Queda, nome que damos a esse acontecimento essencial, porém, não foi determinante e nem última, vista já ocorrer no ambiente da Graça do Cordeiro imolado desde a fundação do mundo. E é por causa dessa Graça e nesta Graça que o homem caído é guiado pelo Espírito por meio da fé à plenitude do ser.

Assim o que somos, só somos Nele. E fora Dele está também a revelação de quem não somos. Pois Nele está a verdade e fora de…

Creio – Jesus Cristo

Imagem
Eu creio que Jesus de Nazaré, nascido de mulher é o Filho de Deus, revelação do Ser Eterno. Sua humanidade não anula ou diminui sua divindade e nem sua divindade anula ou diminui sua humanidade, por tal razão podemos chamá-lo de Deus-Homem e só em razão de o Ser Deus-Homem é que também se chama Salvador de todos os homens.
Sua Humanidade não era uma ilusão ou aparência, de fato esteve sujeito a todas as leis que regem a humanidade. Nasceu e morreu, foi sepultado e ao terceiro dia ressuscitou dos mortos, retornou ao Pai e ainda virá revelar a reconciliação de todas as coisas Nele.
Sua vida revelou o amor de Deus pelos homens e o caminho da salvação do ser, caminho da graça, do perdão, da misericórdia, da bondade, da compaixão e da verdade. E mesmo tendo nascido dos judeus, o mistério da revelação é conforme a ordem de Melquisedeque, ou seja, sem relação exclusiva com nenhum grupo humano.
Através do tema da encarnação fica clara a unidade estabelecida entre o humano e o divino, fica revela…

A ética do reino e reconciliação universal

Imagem
Textos Bíblicos
Atos 3.18-21
Mas Deus assim cumpriu o que já dantes pela boca de todos os seus profetas havia anunciado; que o Cristo havia de padecer. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, e envie, Ele, a Jesus Cristo, que já dantes vos foi pregado. O qual convém que o céu contenha até aos tempos da restauração de tudo, dos quais Deus falou pela boca de todos os seus santos profetas, desde o princípio. Romanos 5
Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo; pelo qual também temos entrada pela fé a esta graça, na qual estamos firmes, e nos gloriamos na esperança da glória de Deus. E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência, e a paciência a experiência, e a experiência a esperança. E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo …

A ética do reino e a finalidade da vida

Imagem
O homem foi criado para Deus. Daí parte que só Deus é senhor do homem, e de fato só Deus tem direto sobre o homem. O homem que é de Deus é homem pleno. Tudo é Dele, corpo, alma e espírito. Atentar contra o corpo, alma e espírito, atentar contra o homem é atentar contra Deus. Por isso se diz “não matarás” e ainda “aquele que encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e qualquer que disser a seu irmão: Raca, será réu do sinédrio; e qualquer que lhe disser: Louco, será réu do fogo do inferno”.
Ivo Fernandes 18 de setembro de 2009

A ética do reino como modo de viver

Imagem
Diz Paulo, “Agora permanecem a fé, a esperança e o amor, a maior delas, porém é o amor”. Pela fé sabemos que fomos reconciliados com Deus em Cristo, o que nos dá a esperança da salvação e da glorificação, porém sem amor isso tudo é apenas informação que não gera bem para a alma.
É o amor que nos tirará do campo da observação para a prática da fé. Ele é a força do justo que o impulsiona enquanto aguarda o Dia em que as sombras todas serão dissipadas. Sem amor até a fé e a esperança seriam corrompidas. Sem amor caímos no erro da salvação pelo serviço ou pior, no entusiasmo da salvação sem serviço.
O amor transforma nosso comportamento por causa do nosso estado em Cristo. É por estarmos Nele e não para estarmos nele que nos movemos e existimos. É por estarmos livres Nele que de fato podemos servir aos irmãos, pois esse serviço já não é por nossa causa, ou por causa de algum mérito, é somente em razão do nosso estado Nele, só por essa razão os que são habitados pelo amor vivem de modo que…

Entrevista Concedida ao aluno Sérgio Marçal do STPC.

1) Faça uma breve biografia sua.

Meu nome é Antônio Ivo Soares Fernandes, nascido em Fortaleza-CE. Desde a minha infância estou envolvido com a igreja cristã. Tive algumas experiências de conversão e as continuo tendo no decorrer destes anos. Lembro-me da primeira aos oito anos de idade, outra aos quinze, ano em que comecei a pregar. Na infância congregava em uma igreja Batista, batizei-me numa Assembléia de Deus, e depois tive, como pregador e professor, envolvimento com vários ministérios diferentes desde as igrejas pentecostais até as históricas. Atualmente sou mentor da estação do Caminho da Graça em Fortaleza. Sou casado com Janaína e tenho duas filhas, Ivna (9) e Cecília (1).

2) Qual o nome de seu ministério?

Pertenço a um movimento chamado Caminho da Graça, que tem o pastor Caio Fábio como mentor do processo.

3) Qual a principal linha teológica defendida?

Nosso movimento não tem uma linha teológica definida. Eu, enquanto indivíduo, possuo grande simpatia pelas teologias que não se e…

A teologia é inimiga da Fé?

Imagem
Algumas pessoas argumentam como eu sendo professor de teologia consigo conviver com as duras críticas que o Caio Fábio faz a mesma, sendo eu mesmo participante do movimento que tem ele como mentor. E minha resposta quase sempre choca as pessoas, pois afirmo que concordo com o Caio, pois sei que ele dirige toda a sua crítica à teologia que se arroga o direito de senhora do saber, dona da Verdade. Porém, existe aquilo que podemos chamar de “boa teologia”.

A teologia pelo significado do termo é o estudo sobre Deus, porém ao termo “Deus” pode ser atribuído os mais variados sentidos. Desta forma não podemos falar de uma teologia, mas de teologias. E mais, por ser “Deus” em seus mais diferentes aspectos uma realidade da qual nenhum homem se esquiva podemos dizer que todo homem é um teólogo.

A diferença entre as teologias será mais de posição do que de apresentação, afinal todas, ou pelo menos a grande maioria proclama para si o direito de ser a única correta ou a melhor. Sendo assim para mim…

A Ética do Reino e a questão do pecado

Imagem
Jesus Cristo é Deus Revelado, História Revelada e Homem Revelado. E como homem revelado é Nele que se manifesta o Homem Real, mas aqui faço uma distinção do homem ideal, conforme o modelo platônico, pois este é referência para juízo das cópias, àquele é realidade para pôr fim ao que não é. Daí, todo homem não conformado à imagem do Homem Real não ser Homem Pleno, resultando disto o Homem Pecado. No homem ideal nasce a possibilidade do juízo, no homem real, por nos escapar enquanto referência não temos como fazer tal juízo, pois o homem pecado só pode saber do real mediante o Espírito e não por referência.
O homem pecado é o mesmo desintegrado da realidade, é o homem em desarmonia, senhor de si – mesmo – que é imagem – e não do eu. É o homem que vive à margem do Real e por isso é filho da morte, escravo do pecado, filho do diabo.
Somente quando o homem pecado é exposto ao Homem Revelado e que O reconhece é que a conversão se processa. É no reconhecimento de quem não somos que está o arr…

Deixei de ser evangélico

Imagem
Há algumas semanas atrás alguém me falou que concordava com tudo que eu ensinava mais não gostava de eu não mais me denominar evangélico. Chegou a dizer que isso era uma mania do Caio seguida pelos seus discípulos. Lamentei por ver que alguém tão próximo nada sabe a meu respeito.
A verdade é que nem gostaria de estar mais escrevendo um texto sobre isso. Espero que em breve seja eu esquecido entre estes que insistem nos rótulos. Não deixei de ser evangélico de um momento pro outro. Meus diários são as provas desse meu caminho que há muito vinha trilhando em silêncio.
Não sou mais evangélico porque já não suporto ouvir as mensagens dos pregadores que representam este movimento. Nem abro mais os emails que me enviam com vídeos e notícias dos mesmos. De fato não quero mais saber.
Mas o fato de não ser mais pertencente a este movimento não é a negação do meu passado, e nem a afirmação de que Deus não é Senhor destes. Pelo contrário, continuo amando a minha história. Continuo lembrando com sau…

As profecias

Imagem
Minha vida foi cercada pelas profecias, desde criança que escuto profetas falarem do meu destino, desde o ministério até casamentos, desde viagens até bens que possuiria. A maioria dessas profecias nunca se realizou, e outras aconteceram justamente o oposto, porém eu creio em profecias, mas já não tenho crido nos profetas do meu tempo.
Hoje não busco mais profecias, pois sei que profecias legítimas me procuram e não eu a elas. Os que buscam profetas são os mesmos que outrora buscavam cartomantes ou toda espécie de adivinhos e que agora se sentem mais cristãos por o tal indivíduo adivinhar em nome de Jesus.
Já vi muita coisa para saber que a maioria desses profetas anuncia toda espécie de coisa a fim de seu nome ser honrado. Vi profetas que se perderam na necessidade de manter o público e para isso começaram a profetizar falsamente. Já vi profeta surtado a ponto de afirmar que Deus honraria até suas invenções.
A maioria das pessoas que os consultam é frágil no entendimento e ficam admira…

A ética do Reino e Jesus como a Revelação da História

Imagem
Jesus Cristo não é somente a Revelação de Deus, mas também a Revelação do Homem, e ainda mais a Revelação da História. Nele está toda realidade e todas as coisas convergem Nele e para Ele.
Falar de Cristo como o Revelador da História é dizer que todo mistério da existência está manifesto. Fora Dele a história do mundo é sem sentido. Nele o mundo é criado, julgado, condenado, perdoado e salvo. Nele todas as coisas estão reconciliadas.

O Deus-Homem também é o Deus da História. Ele se une a natureza humana e se une a história plenamente. Negar a humanidade ou negar a história é também negar a Deus que se fez homem e história.

Feito homem na história deixa-nos a missão de não se esquivar da humanidade real e da história real. O caminho para Ele é um caminho real feito de gente real. O que seus discípulos precisam ser também é gente como Ele foi. Nada de santos entre pecadores, nem de justos entre injustos, mas de seres humanos reais no meio de um mundo desconfigurado.
Todo caminho de glória h…

A ética do Reino como inclusão

Imagem
Depois de ler e reler os evangelhos algumas vezes sinto-me convencido de que Jesus não possuía uma mensagem exclusivista, pelo contrário, Ele amplia os limites bem mais do que seus discípulos e seus ouvintes podiam esperar ou imaginar.
No seu ensino os grupos excluídos pela sociedade são destacados e chamados a inclusão no Reino. E essa inclusão não se dá por causa de uma religião, raça, credo, cor ou condição social. Todo fundamento do Reino é reconciliação. Ivo Fernandes29 de maio de 2009

A ética do Reino

Imagem
Quando falamos em ética é natural associarmos esse tema aos valores morais de uma sociedade, mas quando nos referimos à ética do Reino não podemos fazer isso, pois a moral que é a base do conhecimento humano sobre o “certo e errado” nasce da condição alienada do homem de Deus. Assim, as expressões “bem e mal”, “moral e imoral”, “valor e sem valor”, “autêntico e não autêntico” não são termos que se aplicam quando falamos de ética do Reino.

Enquanto a moral divide a vida entre coisas permitidas e proibidas a ética do Reino aponta para o que É. Todo conhecimento moral é um conhecimento humano, que está direcionado para si mesmo, ou seja, a moral nasce do olhar do homem posto sobre si mesmo. Por meio dela os homens criam suas leis e exercem seus juízos.

Jesus que anunciou a ética do Reino está na contramão desta moral. Por isso não encontramos verdadeiro diálogo entre Ele e os fariseus que tão bem representavam a moral, e isso porque Jesus e os fariseus estavam em níveis completamente difer…

A fé de um homem

Imagem
“Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.” Apóstolo Paulo

Algumas pessoas acham que minha fé é muito “humanista”, sei que com isso querem dizer que em mim há mais conhecimento do que experiências espirituais. Outras dizem que a fé morreu em mim, devido aos meus muitos estudos e leituras. Mas o que parecem não perceberem é que a única coisa que mudou foi meu estado infantil.
Como homem, já não ignoro a realidade a minha volta. Também já não vejo Deus como via enquanto menino, que por minha infantilidade exigia que Ele resolvesse todos os meus conflitos.
Hoje entendo que o caminho da fé não me livrará necessariamente do caminho da dor, mas isso já não muda a minha fé em Deus que continua presente mesmo em silêncio. Não confundo mais a Deus com as imagens que posso fazer dele.
Deus a cada dia me surpreende desfazendo todo esquema que elaboro sobre ele. Deus é meu Pai da mesma forma …

Vida abundante

Imagem
Vida abundante é uma frase das mais utilizadas pelas igrejas modernas que tentam convencer os homens que ser cristão é sinônimo de felicidade, bem-estar, prosperidade, bens, riquezas, posses. No entanto, Jesus, nunca tratou a vida dessa forma. Ele via a vida como era e mostrou o caminho de vida em meio ao estado paradoxal da existência humana.

O caminho da vida em Jesus é o caminho da negação do “si - mesmo”. Ora o “si- mesmo” é a projeção de todas as carências humanas. Negar, então, a si mesmo não é a negação de práticas quaisquer, mas de um estado que vê tudo a partir dos próprios desejos.

Vida abundante é resignificação da vida. É viver sob o prisma do Eterno. Quem vive sob este prisma já não vive a ansiedade dos tempos modernos. Já não é como um sedento que vive em buscas de águas que matem sua sede, mas ao contrário do seu interior flui um rio de águas vivas.

Viver assim não é negar o paradoxo da existência e nem as necessidades humanas que por vezes nos fazem sofrer, mas essas dore…

O propósito de Deus – A Imagem do Homem.

Imagem
Todo esquema teológico ou filosófico precisa partir de um tema a fim de que se desenvolvendo abarque todos os demais temas possíveis. Isso se chama sistematização.

Mesmo reconhecendo os limites do conhecimento humano, e a finitude que não nos deixa ver nada além de nós mesmos(Is 55.8,9), a menos que a nós seja Revelada outra verdade(Lc 10.21), assumo o risco de afirmar que todo pensar teológico precisa partir da questão do propósito de Deus.

Isso porque, partir da questão de Deus mesmo é impossível. Afinal quem é Deus? O que Deus é? Deus estará sempre acima dos conceitos que podemos fazer dele. O propósito também estará além de nossas especulações, mas acredito que de alguma maneira não estamos tateando no escuro. O propósito foi revelado.

E qual é o propósito de Deus? Conduzir os homens a imagem de Seu Filho (Rm 8.29; 2 Co 3.18; Ef 1). Sendo este o propósito tudo o mais será visto dentro dele, afinal neste processo nenhum dos seus planos podem ser impedidos (Jó 42.2).

A própria Queda dev…

Conhecendo Jesus

Imagem
2 Coríntios 5

Porque sabemos que, se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos de Deus um edifício, uma casa não feita por mãos, eterna, nos céus. E por isso também gememos, desejando ser revestidos da nossa habitação, que é do céu; Se, todavia, estando vestidos, não formos achados nus. Porque também nós, os que estamos neste tabernáculo, gememos carregados; não porque queremos ser despidos, mas revestidos, para que o mortal seja absorvido pela vida. Ora, quem para isto mesmo nos preparou foi Deus, o qual nos deu também o penhor do Espírito. Por isso estamos sempre de bom ânimo, sabendo que, enquanto estamos no corpo, vivemos ausentes do Senhor (Porque andamos por fé, e não por vista). Mas temos confiança e desejamos antes deixar este corpo, para habitar com o Senhor. Pois que muito desejamos também ser-lhe agradáveis, quer presentes, quer ausentes. Porque todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio d…

Santidade

Imagem
Texto Inicial: (1PE 1:16) - Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.

Introdução

Decidi falar de santidade hoje por perceber que na igreja evangélica são as mulheres que são mais cobradas. É sobre elas que pesa a maioria das proibições. A maioria dos homens consegue até justificar seus pecados culpando a mulher de levá-los a pecar. Assim, percebo que as mulheres estão levando um fardo pesado demais, e isso por séculos. Hoje, pela Graça de Deus, gostaria de falar o que na Verdade no Evangelho significa ser santo.

Análise do Texto

O texto que lemos nos exorta a sermos santos como o Senhor é santo, mas a pergunta que se faz é: - Como podemos ser santos como o Senhor? Ora, a resposta para essa e para todas as perguntas que temos a respeito de Deus, estão respondidas em Cristo. Sendo, assim devemos ser santos como Cristo foi. E como Cristo foi santo?

Cristo é o exemplo máximo de santidade para vida de qualquer pessoa

Vamos analisar alguns comportamentos de Cristo, a fim de aprend…

A Eleição como Boa-Nova

Imagem
E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou. Assim que daqui por diante a ninguém conhecemos segundo a carne, e, ainda que também tenhamos conhecido Cristo segundo a carne, contudo agora já não o conhecemos deste modo. Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação; Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse. Rogamos-vos, pois, da parte de Cristo, que vos reconcilieis com Deus. Aquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus.” 2 Co 5.14-21

A eleição e temas como a predestinação, livre-arbítrio, condenação, …