sábado, 19 de fevereiro de 2011

Sobre a fé



Fé não se refere a algo que se sabe. Não é a aceitação de um conjunto de doutrinas. Fé é a certeza da misericórdia e do amor de Deus. E isso é o maior bem que um homem pode ter. E sendo assim também é o maior desafio dos homens. A fé já é um milagre, posto que a Queda instalou em nós a dúvida e vivemos na corda bamba do Mal e do Bem. Daí fé já ser obra da Graça. Fé não é a saída quando não conseguimos algo, sendo mais que isso, é um estado da alma, onde toda ação é uma ação de fé. É a confiança no Invisível. E essa fé, segundo as Escrituras, é a força que vence o mundo. Sem fé não há nenhuma esperança para a humanidade, pois todo ato para ser essencialmente humano precisa ser um ato de fé, realizado por um ser de fé, pois um ser de fé primeiro é mudado interiormente e depois muda as coisas ao seu redor. Sem fé toda inclinação do homem será má, e onde não opera a fé opera a violência entre irmãos desconfiados. Assim é desde Caim e Abel, onde a não-fé produz a morte. Sem fé não há amanhã. O amanhã será construído por seres de fé que aprenderam a descansar no Senhor e que por tal descanso conseguem construir uma história melhor. A construção do ser-fé é uma construção de paz, sabendo que justificados pela fé temos paz com Deus e com os homens. Sem fé não há paz. Fé é a certeza de que nada, absolutamente nada, pode nos separar do amor de Deus. Todos aqueles que por essa fé vivem são chamados de justos.

Ivo Fernandes
2005

Casamento

Uma das queixas mais comuns que atendo na clínica terapêutica diz respeito aos casamentos. De tanta reclamação até parece ser verdade ...